Crianças e adolescentes são temas de publicação

Crianças e adolescentes são temas de publicação

DSC_1780Na tarde desta terça-feira, 11 de abril, os assessores da Área de Missão e Gestão, Ir. Ivonir Imperatori e Eulália Sombra, participaram do lançamento da 5ª edição do CADÊ? Brasil 2016 –  Crianças e Adolescentes em Dados e Estatísticas.  Produzida pela Província Marista Brasil Centro-Norte, com o apoio da UMBRASIL, demais províncias do Brasil Marista e parceiros, a publicação consiste na compilação de dados e indicadores que remetem a situação dos direitos da população de 0 a 18 anos e servem para qualificar o debate e a incidência política nos direitos de crianças e adolescentes.

Para o vice-presidente das mantenedoras UBEE-UNBEC da PMBCN, Ir. José Wagner da Cruz, a sinergia realizada pela UMBRASIL foi fundamental. “A UMBRASIL orquestra e defende projetos de garantia e defesa dos direitos de crianças e adolescentes e isso é primordial para a construção de documentos como o CADÊ? Brasil 2016, que reuniu esforços de todas as províncias”, ressaltou o vice-presidente.

DSC_1600Durante o evento, Ir. Ivonir Imperatori lembrou a importância da publicação. “O CADÊ? Brasil 2016 deve ser utilizado como uma ferramenta para a transformação social junto aos sujeitos de direitos atendidos pelo Brasil Marista, como um resultado efetivo, e de impacto. O documento também é importante para que cada Província trace estratégias para o fortalecimento da atuação Marista nos espaços de incidência política e controle social” afirmou Imperatori.

Em dados apresentados no lançamento, o CADÊ? Brasil 2016 revela que entre os anos de 2008 e 2014, o número de ingressantes no ensino médio com idade irregular passou de 55,66%, para 44,75%, implicando na diminuição de 10,91%. Na Educação de Jovens e Adultos (EJA) houve registro de queda de 10,77% nas matrículas de crianças e adolescentes, diminuindo de 733.053 matrículas, em 2008, para 654.055 matrículas, em 2014. As taxas de abandono escolar caíram, também, em 2014. No ensino fundamental a queda foi de 2,20% e do ensino médio de 7,60%.

O documento é o resultado da parceria do Brasil Marista com instituições como o  Fórum Nacional dos Direitos das Crianças e do Adolescente (FNDCA), órgão responsável pelo acompanhamento e monitoramento da atuação dos representantes da sociedade civil no Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda) e pela formulação das diretrizes para a área da infância e da adolescência. Na cerimônia, também estiveram presentes a primeira dama do Distrito Federal, Márcia Rollemberg, a representante do Fórum Nacional dos Direitos da Criança e Adolescentes, Sandra Regina  Ferreira, a  representante da mesa BICE Brasil, Francine Junqueira, além de autoridades nacionais e do Governo de Brasília.

  Todos os dados do relatório de 2016 podem ser acessados em www.marista.edu.br/cade.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *